segunda-feira, 12 de maio de 2014

Folhagens e flores

Com o passar dos dias, as folhagens e flores integram de forma irremediável o espaço da casa, inclusive se prestando como instrumento de expressões emocionais.


Esse asplênio (acima) foi “recuperado”, quase morreu. Herdei de minha finada mãe (Milda Schirmer Bakalarczyk), por isso cuido dele com muito carinho.


Essa begônia está plantada no jardim, no solo, não num vaso. Ganhei de minha comadre Rose, no ano passado. Pensei que fosse anual, mas ela se renovou, floresceu, parece perene.


O amariles floresceu. Está lindo.


A falsa-érica sempre florida, enfeitando a rampa de acesso à minha garagem.

Amanhã posto mais imagens de flores e folhagens.

Um comentário:

  1. Olá adorei conhecer, também amo plantas.
    Por aqui quando morre alguma já vou logo colocando outra
    no lugar pra não sentir muita falta.
    janicce

    ResponderExcluir

Como diz o Chapolim/Chavez: sigam-me os bons!

Recent Posts